Paulo Aureliano da Mata

Capítulo seis: Elma Çayı que Marca meu Destino

 

EM PROCESSO _ Paulo Aureliano da Mata (Cia. Excessos), Elma Çayı que Marca Meu Destino (Políptico), do Capítulo seis: Elma Çayı que Marca Meu Destino, do Livro da Mata, Porto, Portugal, 2013-. Fotografias, 40 x 22,8 cm cada placa. Edição: 5 + 2 P.A. cada

 

(em breve)

EM PROCESSO _ Paulo Aureliano da Mata (Cia. Excessos), Elma Çayı que Marca Meu Destino, do Capítulo seis: Elma Çayı que Marca Meu Destino, do Livro da Mata, 2013-. Vídeo, x. Edição: 5 + 2 P.A.

 

-> A cor social desse capítulo é moderate blue (em hexadecimal #4478CA; ou em RGB: vermelho 68, verde 120, azul 202).

 

HISTÓRICO

[2014] 18º Salão de Artes Plásticas de Catanduva. Salão de Exposições, Estação Cultura, Catanduva, SP, Brasil.