Tales Frey

Vende-se: aceita-se cartão de débito

 

Tales Frey (Cia. Excessos), Vende-se: aceita-se cartão de débito. Performance realizada na cidade de Limeira, Brasil. Junho de 2015. Fotografia de Robson Trento

 

Eu carrego no corpo uma placa com a legenda “Vende-se”, mas não me coloco à venda… Eu cobro para tirar a roupa, mas não sou um stripper… A ausência do hífen da palavra na placa na primeira vez em que realizei a ação é um mero “erro conceitual” para sublinhar o tempo em que a língua portuguesa estava a sofrer reajustes por conta de um acordo ortográfico.

Apesar de eu me despir a cada negócio fechado, a ação não tem nada a ver com prostituição… É pura estratégia por falta de um imóvel para negócios.

Em Vende-se: Aceita-se Cartão de Débito, tudo que está sobre o meu corpo está à venda. Tudo que está sobre o meu corpo, mas o corpo não!

Visto roupas e acessórios de “segunda mão” tidos por femininos e, em cada uma das peças, há uma etiqueta informando o valor de cada um dos produtos. Na mão, carrego uma máquina de cartão de débito e, nas costas, penduro uma placa enorme com o título da performance.

 

A ação é marcada por contradições:

– roupas taxadas como peças para mulher num corpo biologicamente masculino (com bigode);

– falsa noção de prostituição no que é puro comércio de roupas;

– arte/manifesto contra arte comercial, mas praticando comércio.

 

A sonoplastia do vídeo (registro da primeira ação) resultou de uma feliz coincidência de uma loja que resolveu colocar músicas para atrair clientes durante o evento Alma da Rua, na cidade do Porto, em Portugal, em 2009.

 

FICHA TÉCNICA

Performance de Tales Frey | Duração da ação: variável | Realização: Cia. Excessos | Porto, Portugal 2009 | Limeira, Brasil 2015

 

HISTÓRICO

AO VIVO

[2015] Atos em Ações II – Festival Internacional de Performances e Intervenções. Largo da Boa Morte, Limeira, Brasil.

[2012] 26ª Feira Franca. Palácio das Artes/ Fábrica de Talentos, Porto, Portugal.

[2009] Alma da Rua 2009. Embaixada Lomográfica, Porto, Portugal.

[2009] Jardim de São Lázaro, Porto, Portugal.

 

SOB FORMATO VÍDEO E/OU FOTOGRAFIA

[2012] Colóquio “Estudos Feministas: O Futuro do Passado”. Colóquio da pós-graduação em Estudos Feministas da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Coimbra, Portugal.

[2010] Alma da Rua 2010. Embaixada Lomográfica, Porto, Portugal.

 

Tales Frey (Cia. Excessos), Vende-se: aceita-se cartão de débito. Performance realizada na cidade de Limeira, Brasil. Junho de 2015. Fotografias de Robson Trento

 

Tales Frey (Cia. Excessos), Vende-se: aceita-se cartão de débito. Performance realizada na cidade do Porto, Portugal. Junho de 2009. Fotografias de Jorge Taveira, 33,5 x 50 cm cada. Edição: 3 + 2 P.A.

 

Tales Frey (Cia. Excessos), Vende-se: aceita-se cartão de débito. Performance realizada na cidade do Porto, Portugal. Julho de 2012. Fotografias de Paulo Aureliano da Mata

 

Tales Frey (Cia. Excessos), Vende-se: aceita-se cartão de débito. Performance realizada na cidade do Porto, Portugal. Julho de 2012. Fotografias de Paulo Aureliano da Mata

 

Tales Frey (Cia. Excessos), Vende-se: aceita-se cartão de débito, 2009. Vídeo, 9’37”. Edição: 3 + 2 P.A.