Tales Frey

Reverso – Variante I

 

Tales Frey (Cia. Excessos), Reverso – Variante I. Performance realizada em Maia, Portugal. Junho de 2015. Fotografia de Manuela Matos Monteiro, 45 x 80 cm. Edição: 5 + 2 P.A.

 

Nessa primeira variante da ação original intitulada apenas por Reverso, eu apresento o meu próprio corpo deitado em posição simetricamente oposta ao corpo fantasmagórico formado no reflexo de um espelho disposto sobre um jardim. Exponho a minha representação ilusória como uma massa corpórea em decomposição numa cova para quem atenta sobre a imagem mostrada através do espelho, ao mesmo tempo que estabeleço uma composição iconográfica narcisista para quem observa o meu corpo palpável, real a contemplar a sua própria constituição como imagem, como se fosse possível notar a irreprimível putrefação inerente à nossa condição humana.

 

FICHA TÉCNICA

Performance de Tales Frey | Duração: 1h | Realização: Cia. Excessos | Maia, Portugal 2015

 

HISTÓRICO

AO VIVO

[2015] Mostra de Performance. Curadoria de José Maia. I Bienal da Maia: Lugares de Viagem, Maia, Portugal.

 

SOB FORMATO VÍDEO, INSTALAÇÃO E/OU FOTOGRAFIA

[2017] Exposição coletiva Trânsitos Feministas. CES – Centro de Estudos Sociais, Coimbra, Portugal.

[2016] A Natureza da Margem. Curadoria de José Aparício Gonçalves. 20ª edição do Festival Queer Lisboa, Oficina Irmãos Marques, Lisboa, Portugal.

[2016] Memento Mori. CAAA – Centro para os Assuntos da Arte e Arquitectura, Guimarães, Portugal.

 

Tales Frey (Cia. Excessos), Reverso – Variante I, 2015. Vídeo, 49’’. Edição: 5 + 2 P.A.